10 benefícios anti-idade do Yoga que vai fazer você querer começar a praticar agora

homem idoso fazendo a prancha baixa em tapete de Yoga, com óculos e foto preto e branco
Foto: Yoga Journal

Existem vários efeitos da idade sobre nosso corpo e mente. O Yoga chega como uma ferramenta anti-idade excelente, capaz de aliviar os sintomas e, em alguns casos, aprimora os tratamentos médicos. Não importa sua idade e nem se está começando agora, o Yoga pode te ajudar, e muito!

Com o avançar da idade, você sente alterações mentais e físicas tais como falta de elasticidade, de estabilidade, de velocidade, de força e de resistência.

1) Osteoporose/ osteopenia

Com a idade, ocorre decréscimo na densidade óssea, por reabsorção de cálcio nos ossos e por menor deposição e renovação celular. Em algumas pessoas, essa menor deposição resulta em osteopenia ou osteoporose, levando a maior susceptibilidade a fraturas.

As posturas do Yoga desafiam seu sistema músculo-esquelético, estimulando a entrada de cálcio dos ossos e fortificando sua musculatura a fim de fortalecer todo o seu corpo e evitar as fraturas patológicas.

2) Artrite/ artrose

Artrite e artrose são condições inflamatórias que causam grande dor nas articulações, tais como, punhos, mãos, quadris, joelhos e cotovelos. Essa condição torna as articulações rígidas e inchadas, trazendo desconforto seja em movimento ou em repouso.

A prática regular do Yoga contribui na redução das dores articulares e ajuda a aprimorar a flexibilidade das articulações. Além disso, o Yoga ajuda a reduzir significativamente a inflamação.

3) Estenose espinal

Trata-se de um estreitamento do canal espinhal ou vertebral que leva à compressão dos nervos da coluna causando dor que irradia e entorpecimento dos quadris, pernas e ombros.

A prática do Yoga realizada de forma cautelosa movimentando a coluna para frente e lateralmente, evitando extensões, contribui para o alívio da dor.

4) Problemas em discos intervertebrais

Discos intervertebrais herniados, abaulamento ou com protusão, podem pressionar os nervos espinhais causando espasmos, limitando movimentos e dor irradiativa. Problemas discais e dor nas costas são mais comuns em lombar, mas podem ocorrer em qualquer parte da coluna.

O Yoga pode te ajudar muito, trabalhando em ganho de força abdominal e flexibilidade espinhal, aliviando significativamente as dores.

5) Dor nas costas

Se você sofre com dor nas costas por má postura ou outra causa, você pode encontrar no Yoga uma prática para ganhar força no “core”. Essa região é composta pelos músculos do tronco, costas, abdômen, quadris e pernas proporcionando melhor suporte à coluna vertebral, diminuindo o impacto sobre ela.

6) Dores em nervos

Quando algum nervo sofre uma lesão pode ocorrer dor, fraqueza, entorpecimento ou formigamento. Neuropatias são mais comuns em membros, mãos, pés e dedos. Pode ser resultado de problemas em sistema circulatório ou pode ser efeito de outras afecções.

O Yoga estimula a circulação e a consciência corporal proporcionada pela prática, é primordial para evitar e aliviar problemas nervosos.

7) Problemas em ligamentos

Afecções ligamentares são muito comuns na melhor idade devido ao estresse e desgaste, principalmente em joelhos, ombros, quadris e punhos. Quando envelhecemos colocamos sobrecarga nessas articulações que resultam em abrasão e desgaste.

O Yoga pode ajudar de diversas maneiras. Primeiro, ao fortalecer a musculatura de apoio dos ligamentos, diminui o impacto sobre eles. Os joelhos, por exemplo, ficam protegidos se seus glúteos e quadríceps estão fortes. Outra vantagem é que as posturas do Yoga ajudam a manter a força das pernas. O Yoga contribui também para a recuperação de lesões ligamentares ao permitir que você continue se movimentando mesmo com lesão.

8) Tendinites

Embora seja uma condição temporária, a inflamação dos tendões causa dor em articulações e rigidez articular. Essa afecção também pode criar instabilidade durante os movimentos.

A tendinite aguda geralmente requer alguns dias de repouso. Após esse período, o Yoga pode contribuir para a estabilização da região afetada. Devido ao fato de que a tendinite é causada por movimentos repetitivos, a prática das posturas do Yoga proporciona que você possa se movimentar, mas de forma variada e de novas maneiras, reforçando os músculos ao redor dos tendões e dando às áreas inflamadas o tempo de se recuperar.

9) Rigidez por degradação de colágeno

Quando envelhecemos, perdemos a flexibilidade muscular e do tecido conectivo, resultando em rigidez, instabilidade e menor equilíbrio.

A prática regular de Yoga te ajuda a reverter o processo de rigidez. Realizar alongamento de forma leve e regular permite manter o seu corpo fluido e flexível.

10) Insônia

Uma respiração calma e vagarosa leva à calma e ao relaxamento. O Yoga praticado de forma lenta e o alongamento ajudam a manter a tranquilidade, promovendo adormecimento rápido e manter mais horas de sono.

O Espaço Kaizen está preparado para receber você em nossas aulas de Yoga. Venha nos visitar e agende sua aula experimental agora mesmo!

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s