Pilates e a sua relação com a prática do surf

Marcus Vinícius Costa Raspa*

pilates-para-surf
Foto: Corbis

O surf, surfe ou surfing, como pode ser chamado foi introduzido inicialmente por relatos no Havaí. Inicialmente utilizavam-se pranchas de madeira, as pranchas eram fabricadas pelos próprios surfistas, pois se acreditava que ao fabricar sua própria prancha se transmitia todas as energias positivas nela e ao praticar o surf na sua própria prancha se libertava das energias negativas.

É uma prática desportiva radical, cuja habilidade é verificada pelo grau de dificuldade dos movimentos ou manobras executadas pelos surfistas ao deslizar na prancha de surf nas ondas do mar. Os movimentos exigem força, coordenação, equilíbrio e muita prática. Quanto mais a prática do desporto maior a habilidade no surf. As pessoas praticam o surf para acalmar a alma, o corpo e a mente.

Leia também:
Exercícios de Pilates aliviam dores na lombar
Pilates para os homens

Hoje, os atletas amadores e de alto rendimento vem buscando o método de Pilates para complementar seus treinos. E os surfistas também estão nesta parada desbravando o método de Pilates.

Os surfistas amadores e profissionais ficam horas e horas dentro do mar. O surf é uma prática que exige muito da coluna, devido as difíceis manobras. Toda modalidade exige muita disciplina e uma ótima postura para a execução dos movimentos para que não haja nenhuma dor ou contusão. Como muitos surfistas ficam muitas horas na prática do surf, muitos apresentam dor principalmente na região lombar e cervical devido ao posicionamento na prancha durante longos períodos de treino, isso pode ser por movimentos executados errados e também de fraqueza da musculatura solicitada tantas horas de treino.

O Pilates com seu método traz inúmeros benefícios aos praticantes de desportos de prancha, pois ajuda os surfistas em vários aspectos, como a melhora da concentração, respiração, mobilidade, fortalecimento do Power house (casa de força) que são os músculos lombares, pélvicos e glúteos prevenindo as lesões e encurtamentos musculares, melhorando o rendimento desportivo, melhora do equilíbrio, melhora da coordenação prevenindo os desvios posturais da coluna, da resistência muscular.

No método de Pilates o treino dos surfistas deve ser global, sempre respeitando cada limite e individualidade de cada um. Os surfistas necessitam de uma musculatura forte de coluna, do Power House (core), da musculatura do pescoço forte e flexível que aguente várias horas de treino com remadas e manobras, de ter braços resistentes, coordenados e flexíveis para estarem alinhados com as manobras.

Atualmente, existe muita procura do método de Pilates entre os surfista e praticantes dos desportos em pranchas. Isso pelo método alcançar os objetivos de melhorar o rendimento no desporto e prevenir as dores por um movimento mal executado sem coordenação, sem flexibilidade e principalmente sem saber respirar.

Se você quer melhorar seu rendimento desportivo, o Pilates é a prática ideal para você. As aulas no Kaizen são personalizadas com até 3 alunos por turma que são formadas de acordo com nível e objetivo de cada aluno. Entre em contato:

*Fisioterapeuta Dr. Marcus Vinícius Costa Raspa (122441-F) é formado pela Universidade Cruzeiro do Sul – Unicsul. Tem formação no método Pilates pela equipe Ivana Henn. Formado também no método Stott Pilates em Mat, aparelhos e acessórios pela equipe do Espaço Kaizen e HT Pilates.

O professor Marcus Vinícius ministra as aulas de Pilates do Espaço Kaizen. Para agendar uma aula experimental entre em contato conosco pelo telefone (11) 5523-0640, ou compareça à nossa sede na Rua Conde de Itu, 964.

Um comentário em “Pilates e a sua relação com a prática do surf

  1. Apesar das semelhanças e da clara influência do hatha yoga, eu como professor de yoga, não vejo o pilates como um plágio, tão pouco rivalizo com essa prática, pelo contrário, até indico àqueles que se incomodam com o lado filosófico e espiritual do yoga. E como praticante de surf assino em baixo o que foi dito no texto, é fundamental esse preparo tanto no sentido de melhorar o desempenho, como no de se precaver de lesões no mar. Om!
    Gilberto

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.