Bem-estar e saúde começam pelo sono

Foto: Darren Kemper/Corbis

Passar uma agradável noite de sono faz bem para o corpo e para mente, não é novidade para ninguém. Mas diante dos ruídos a que somos expostos dia-a-dia, a poluição, má alimentação, etc, ou seja, o caos de viver em uma grande cidade, aumenta mais os riscos de estresse e problemas de saúde relacionados com a má qualidade do sono.

Foto: moodboard/Corbis

De acordo com a Dra. Regeane Trabulsi Cronfli, médica formada pela Faculdade de Medicina da USP, especialista em Endocrinologia e Metabologia , “dormir não é apenas uma necessidade de descanso mental e físico: durante o sono ocorrem vários processos metabólicos que, se alterados,  podem afetar o equilíbrio de todo o organismo a curto, médio e, mesmo, a longo prazo. Estudos provam que quem dorme menos do que o necessário tem menor vigor físico, envelhece mais precocemente, está mais propenso a infecções, à obesidade, à hipertensão e ao diabetes”.

Portanto, dormir bem não tem a ver somente com uma parte do processo utilizado pelo corpo para renovar-se senão é fundamental para o bom funcionamento de todo o sistema, inclusive proteger o organismo de doenças.

Concentração

Além disso, a má qualidade do sono pode afetar a concentração e a atenção, acarretando em problemas nos estudos, trabalho e no dia-a-dia. Segundo Cronfli, “estudo realizado pela Universidade de Stanford, EUA, indivíduos que não dormiam há 19 horas foram submetidos a testes de atenção. Constatou-se que eles cometeram mais erros do que pessoas com 0,8 g de álcool no sangue – quantidade equivalente a três doses de uísque. Igualmente, tomografias computadorizadas do cérebro de jovens privados de sono mostram redução do metabolismo nas regiões frontais, responsáveis pela capacidade de planejar e de executar tarefas, e no cerebelo, responsável pela coordenação motora. Esse processo leva a dificuldades na capacidade de acumular conhecimento e alterações do humor, comprometendo a criatividade, a atenção, a memória e o equilíbrio”.

Foto: David Sutherland/Corbis

O que acontece enquanto dormimos?

Noite

23 – 01:00: o corpo realiza o processo de desintoxicação da vesícula biliar, e deve ser processado em estado de sono profundo.

01:00- 03:00: processo de desintoxicação do fígado, deve suceder em estado de sono profundo.

Madrugada

03:00- 05:00: desintoxicação dos pulmões. É por isso que por vezes neste horário se produzem fortes acessos de tosse. Quando o processo de desintoxicação atinge o trato respiratório é melhor não tomar medicamentos para a tosse já que interferem no processo de eliminação de toxinas.

Manhã

05:00- 07:00: desintoxicação do cólon. É o horário de ir ao banheiro para esvaziar o intestino.

07:00- 09:00: absorção de nutrientes no intestino delgado. É o horário perfeito para tomar o Café da manhã. Se estiver doente, o Café da manhã deve ser tomado mais cedo: antes das 6:30 .

O Café da manhã antes das 7:30 é benéfico para aqueles que querem manter-se em forma.

Os que não têm por hábito tomar o Café da manhã devem começar a faze-lo, sendo menos prejudicial realizá-lo entre as 9:00 e as 10:00 em vez de ficar a manhã completa sem comer.

Dormir tarde e despertar tarde interromperá o processo de desintoxicação de químicos desnecessários ao organismo. Além disso, deve-se ter em conta que das 00:00 às 4:00 é o horário em que a medula óssea está produzindo sangue.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.